A exclusão de “Frankenstein” no Prêmio Jabuti levanta debate sobre o uso da IA na produção artística

Picture of Maurício "o Estagiario"

Maurício "o Estagiario"

Textos otimizado com nossa IA

Published on novembro 10, 2023, 3:44 pm

A Câmara Brasileira do Livro (CBL), organizadora do Prêmio Jabuti, divulgou a desclassificação da edição de “Frankenstein” que estava concorrendo na categoria de Ilustração. De acordo com a CBL, o motivo da exclusão é o uso de uma ferramenta de inteligência artificial (IA) na criação das imagens.

Essa decisão levanta um debate global sobre o uso da IA na produção artística, especialmente no que diz respeito aos direitos autorais. O regulamento do prêmio não previa a avaliação de obras produzidas com auxílio de IA, levando a curadoria a tomar essa medida inédita. A inclusão de ferramentas de IA nas futuras edições do prêmio será discutida pela organização.

Vicente Pessôa, designer responsável pelas ilustrações de “Frankenstein”, utilizou a ferramenta de IA Midjourney para criar as imagens. A obra, publicada pelo Clube de Literatura Clássica, foi indicada ao Jabuti junto com outros ilustradores renomados.

A revelação de que as ilustrações foram parcialmente criadas por IA gerou controvérsia. André Dahmer, cartunista e jurado do prêmio, expressou surpresa em uma rede social ao descobrir o uso da IA na obra. Ele afirmou que teria avaliado o livro diferentemente caso soubesse da coautoria da inteligência artificial. Dahmer também destacou que não houve má fé na inscrição da obra, pois a coautoria entre “Vicente Pessôa e Midjourney” foi mencionada na ficha catalográfica do livro.

O anúncio da desclassificação de “Frankenstein” abre um importante precedente para a discussão sobre o papel da IA na criação artística e literária. Esse tema certamente será central nas próximas edições do Prêmio Jabuti.

Os finalistas das diversas categorias do prêmio serão revelados no dia 21 de novembro, com a cerimônia de premiação marcada para 5 de dezembro no Theatro Municipal de São Paulo, com transmissão online.

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Print

Leia mais sobre este assunto:

Conteudize