Apple planeja implementar a tecnologia de inteligência artificial generativa em dispositivos iPhone e iPad até 2024

Picture of Maurício "o Estagiario"

Maurício "o Estagiario"

Textos otimizado com nossa IA

Published on outubro 21, 2023, 4:43 am

A Apple está planejando implementar a tecnologia de inteligência artificial (IA) generativa em seus dispositivos iPhone e iPad até o final de 2024, de acordo com Jeff Pu, analista de fornecimento da Haitong International Securities. Essa informação vem após uma análise da cadeia de fornecimento da empresa.

Pu também prevê que a Apple irá construir várias centenas de servidores de IA em 2023, expandindo ainda mais esse número no ano seguinte. A estratégia da empresa inclui a combinação da IA na nuvem com a chamada “IA de borda”, que processa dados diretamente nos dispositivos.

No entanto, a implementação da IA generativa pela Apple será realizada com cautela, levando em consideração a privacidade dos usuários e o compromisso da empresa em proteger seus dados pessoais. Por isso, o lançamento dessa tecnologia pode exigir um pouco mais de paciência.

Embora seja incerto como exatamente essa tecnologia será aplicada, especula-se que as características da IA generativa poderão ser introduzidas nas versões futuras do sistema operacional iOS e iPadOS. Algumas informações indicam que a Apple tem interesse em integrar modelos de linguagem ampla ao Siri para possibilitar automação de tarefas complexas e maior integração com o aplicativo Shortcuts.

Ming-Chi Kuo, outro analista da cadeia de fornecimento, aponta que os esforços da Apple na área da IA generativa estão atrás dos concorrentes, tornando incerto se o prazo para implementação até 2024 será cumprido.

Com o crescente interesse na IA generativa após o lançamento do ChatGPT pela OpenAI, outras empresas como Google e Microsoft também estão explorando o uso dessa tecnologia por meio de chatbots treinados em modelos de linguagem ampla.

Além disso, Mark Gurman da Bloomberg revelou que a Apple está realizando testes internos com um ChatGPT próprio, chamado de “Apple GPT”. No entanto, ainda não há informações sobre quando esse chatbot será lançado para o público.

A Apple confirmou publicamente seu interesse na IA generativa, inclusive através de listagens de empregos relacionadas ao tema. Em uma entrevista à Forbes, o CEO da empresa, Tim Cook, mencionou que a Apple vem trabalhando nessa área há anos e está ciente dos desafios e potenciais problemas relacionados à tecnologia, como viés algorítmico.

Com isso, fica claro que a inteligência artificial generativa é uma prioridade para a Apple, e os usuários podem esperar por avanços significativos nessa área nos próximos anos.

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Print

Leia mais sobre este assunto:

Conteudize