Apple planeja implementar Inteligência Artificial generativa em dispositivos iPhone e iPad até 2024

Picture of Maurício "o Estagiario"

Maurício "o Estagiario"

Textos otimizado com nossa IA

Published on outubro 20, 2023, 8:43 pm

A Apple está planejando implementar a tecnologia de Inteligência Artificial (IA) generativa nos seus dispositivos iPhone e iPad até o final de 2024. Segundo o analista de fornecimento da Apple, Jeff Pu, a empresa poderá construir centenas de servidores de IA em 2023 e expandir ainda mais no ano seguinte.

A estratégia da Apple envolve uma combinação de IA na nuvem e “IA de borda”, que processa os dados diretamente nos dispositivos. Essa abordagem demonstra a preocupação da empresa em lidar com dados pessoais, mantendo seu compromisso com a privacidade dos clientes.

Embora ainda não esteja claro como exatamente essa tecnologia será aplicada, é possível que as características da IA generativa sejam introduzidas nas futuras versões do iOS e do iPadOS. A Apple também está trabalhando para integrar modelos de linguagem ampla ao Siri, permitindo uma automação mais avançada e melhor integração ao aplicativo Shortcuts.

No entanto, alguns analistas da cadeia de fornecimento, como Ming-Chi Kuo, afirmam que os esforços da Apple em IA generativa estão um pouco atrasados em relação aos concorrentes, tornando incerta a conclusão dessa implementação até 2024.

Com o crescente interesse pela IA generativa após o lançamento do ChatGPT pela OpenAI, outras empresas como Google e Microsoft também entraram nesse espaço com chatbots semelhantes, treinados em modelos de linguagem ampla.

Paralelamente aos rumores sobre a implementação da IA generativa, foi revelado que a Apple está realizando testes internos com um chatbot semelhante ao ChatGPT, chamado de “Apple GPT”. No entanto, a Apple ainda não definiu uma estratégia de lançamento para o público.

A Apple confirmou publicamente seu interesse na IA generativa, através de listagens recentes de empregos relacionados ao assunto. O CEO da empresa, Tim Cook, afirmou em entrevista à Forbes que a Apple está trabalhando nessa área há anos e está ciente dos potenciais problemas relacionados a viés e outros desafios dessa tecnologia. A empresa pretende abordar tais questões com cautela e responsabilidade.

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Print

Leia mais sobre este assunto:

Conteudize