Governança da Inteligência Artificial: Desafios e Oportunidades no Contexto Global

Picture of Maurício "o Estagiario"

Maurício "o Estagiario"

Textos otimizado com nossa IA

Published on outubro 26, 2023, 10:43 pm

António Guterres, secretário-geral da ONU, anunciou recentemente a formação de um grupo consultivo multilateral que tem como objetivo propor medidas para a governança da inteligência artificial (IA). A intenção é maximizar os benefícios dessa tecnologia e mitigar os riscos relacionados a ela.

Guterres ressaltou o grande potencial transformador da IA para o bem, especialmente para economias em desenvolvimento. Ele destacou que essa tecnologia pode permitir uma rápida evolução tecnológica nessas regiões, levando serviços diretos às pessoas que mais precisam.

Porém, também existem riscos associados à IA. Entre eles estão a disseminação de desinformação, estabelecimento de preconceitos e discriminação, além de questões relacionadas à vigilância, invasão de privacidade e fraudes. É preocupante também o fato de que essa tecnologia pode minar a confiança nas instituições, enfraquecer a coesão social e ameaçar a democracia.

Um dos riscos apontados por Guterres é a possibilidade da IA aumentar as desigualdades globais e intensificar as lacunas digitais entre os países. É importante ressaltar que atualmente essa tecnologia está concentrada em apenas alguns países.

O secretário-geral também compartilhou uma experiência surreal ao ver-se falando chinês perfeitamente, mesmo sem conhecer uma única palavra desse idioma. Esse exemplo ilustra as incríveis possibilidades e perigos potenciais da IA.

Guterres enfatizou que tudo dependerá do uso responsável e acessível das tecnologias de IA. Ele já havia solicitado anteriormente aos membros da ONU que criem barreiras de segurança para controlar essas novas tecnologias, assim como ocorre em setores como a energia nuclear.

O grupo consultivo será composto por especialistas de diferentes áreas ao redor do mundo, incluindo administração pública, setor privado, comunidade tecnológica, sociedade civil e mundo acadêmico. Essa iniciativa visa estudar como integrar as várias medidas de controle da IA que já estão em andamento e formular recomendações para governança internacional dessa tecnologia. A intenção é acelerar a implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

As recomendações formuladas pelo grupo serão fundamentais para os trabalhos da Cúpula do Futuro, prevista para setembro de 2024, bem como para as negociações em torno da proposta de um Pacto Mundial Digital.

É fundamental estar atento aos avanços da IA e sua influência em diversos aspectos da sociedade. A governança adequada desse campo tecnológico é essencial para garantir que seus benefícios sejam amplamente aproveitados e seus riscos minimizados. Portanto, é encorajador ver iniciativas multilaterais sendo tomadas nesse sentido.

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Print

Leia mais sobre este assunto:

Conteudize