Investimento em IA é Prioridade para CEO’s, mas Preocupações Éticas e Falta de Regulamentação Ainda Persistem

Picture of Maurício "o Estagiario"

Maurício "o Estagiario"

Textos otimizado com nossa IA

Published on outubro 14, 2023, 1:44 pm

Investir em inteligência artificial (IA) tornou-se uma prioridade para a maioria dos CEOs ao redor do mundo, de acordo com uma pesquisa que entrevistou mais de 1.300 executivos. No entanto, esses mesmos CEOs expressam preocupação em relação aos problemas éticos e à falta de regulação sobre o uso da tecnologia.

O relatório “CEO Outlook 2023” da consultoria KPMG revelou que 72% dos CEOs consideram o investimento em IA como prioritário. No entanto, 81% têm receio sobre os dilemas éticos e a ausência de regulamentações no campo da IA.

Outro dado interessante revelado pela pesquisa é que 90% dos CEOs estão dispostos a premiar seus funcionários que optem por trabalhar presencialmente, oferecendo melhores tarefas, aumento salarial e oportunidades de promoção. Isso mostra uma forte preferência pelo modelo de trabalho presencial nos próximos três anos.

Para 62% dos executivos entrevistados, o trabalho presencial deve se tornar predominante nas empresas. Essa proporção representa um aumento significativo em comparação com o ano anterior, quando apenas 34% defendiam essa ideia.

No entanto, para 34% dos CEOs, um modelo híbrido é mais adequado, enquanto apenas 4% apoiam totalmente o trabalho remoto.

Além disso, a pesquisa destacou outros pontos importantes relacionados aos CEO’s:

– Investir em IA é prioridade para 72% dos CEO’s.
– A falta de regulação na área da IA preocupa 81% dos executivos.
– 57% afirmam estar investindo em novas tecnologias.
-43% estão investindo na capacitação do pessoal.

Os dados revelam que as preocupações éticas e a falta de regulamentação são fatores consideráveis para os CEO’s, mas isso não impede que a maioria concorde com a importância do investimento em IA. Eles reconhecem os riscos e estão tomando medidas proativas para enfrentá-los.

Outro ponto destacado pelos CEO’s é que a implementação da IA traz vantagens significativas para suas organizações, tais como o aumento do lucro, oportunidades de crescimento e criação de novos produtos.

Além disso, os executivos entrevistados demonstram confiança no crescimento de suas empresas (79%) e na economia global (77%), apesar das dificuldades estruturais como inflação, custo elevado de captação de capital, transição energética e mudanças no mercado de trabalho.

Sobre investimentos em políticas ESG (ambiental, social e governança), a maioria dos CEOs espera retorno financeiro e reputacional em um prazo de até cinco anos. 58% esperam retorno entre três e cinco anos, enquanto 24% esperam retorno entre um e três anos.

Os CEOs também revelaram estar abertos a oportunidades de fusões e aquisições, com 54% afirmando estar dispostos a investir em aquisições que terão um impacto significativo em suas empresas.

Apesar das incertezas econômicas e dos desafios presentes no mercado atual, os CEOs continuam apostando na IA como uma ferramenta essencial para impulsionar seus negócios. Porém, reforçam a necessidade urgente de uma regulamentação adequada nesse campo para garantir o uso ético e responsável dessa tecnologia.

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Print

Leia mais sobre este assunto:

Conteudize