Qualcomm: A importância da IA móvel e a abordagem híbrida para melhor desempenho e privacidade dos usuários.

Picture of Maurício "o Estagiario"

Maurício "o Estagiario"

Textos otimizado com nossa IA

Published on novembro 14, 2023, 4:44 pm

Luiz Tonisi, presidente da Qualcomm América Latina, está bem sintonizado com os avanços da inteligência artificial (IA) na operação da empresa, que é responsável pela fabricação de 44% dos processadores presentes nos smartphones ao redor do mundo. Para a companhia, seus chips serão o ponto central dessa transformação quando a IA chegar aos bolsos dos consumidores e for executada junto com outras tarefas que os processadores Snapdragon já desempenham.

Recentemente, a Qualcomm lançou o Snapdragon 8 Gen 3, um processador que representa um progresso significativo em termos de desempenho ao rodar modelos de linguagem como o ChatGPT. Esse chipset não só melhora a execução da IA em até 3,5 vezes em comparação com seu antecessor, como também oferece um aumento de desempenho de 25% na GPU Adreno.

Em uma entrevista à EXAME, Tonisi discutiu a visão da Qualcomm para a IA híbrida, uma abordagem que combina processamento local e na nuvem. Essa estratégia visa enfrentar os desafios de custo e sustentabilidade ao reduzir a dependência do processamento na nuvem para economizar energia e diminuir os custos operacionais. Além disso, ele enfatizou a importância da privacidade dos dados, garantindo que as informações permaneçam sob controle dos usuários.

A abordagem híbrida é essencial porque o processamento intensivo necessário para realizar tarefas avançadas de IA consome muita energia. Trazer a IA para dispositivos móveis é fundamental tanto para manter as metas ESG (ambientais, sociais e de governança) das empresas de tecnologia como para garantir a sustentabilidade. Se todos os usuários usassem sistemas avançados de IA como o ChatGPT para suas pesquisas, enfrentaríamos uma crise global de energia elétrica. Portanto, é necessário considerar onde os dados estão armazenados e como as aplicações de IA são processadas, visando maior eficiência e proteção da privacidade do usuário.

A visão da Qualcomm em relação à IA móvel é anterior à popularização de tecnologias como o ChatGPT. Tonisi destaca que a independência é crucial em setores como automotivo, robótica e drones autônomos. Esses dispositivos precisam operar sem depender constantemente da conexão com a internet para tomar decisões instantâneas e lidar com desafios no ambiente.

Na prática cotidiana dos usuários, a IA já está presente em várias experiências por meio de dispositivos como smartphones. Por exemplo, ao tirar uma foto de alta resolução, o processamento de IA seleciona as melhores partes das várias imagens capturadas para criar uma única foto final. A integração da IA no dia a dia das pessoas é mais profunda do que muitas pessoas percebem.

Em relação às discussões sobre privacidade e regulamentação da IA, a Qualcomm reconhece a importância desses debates e participa ativamente deles. O controle dos dados dentro dos dispositivos, como smartphones, já é um avanço significativo nesse sentido. Regulamentar novas tecnologias faz parte do processo humano natural de controlar e compreender o que criamos. No entanto, é importante ter um debate cuidadoso para evitar armadilhas e equívocos, como a ideia de que a IA possa substituir completamente empregos humanos. A IA é comparável a tecnologias anteriores, como calculadoras e computadores, e deve ser regulamentada levando em conta sua capacidade de tomar decisões com base em dados existentes.

Dessa forma, a Qualcomm está moldando ativamente o futuro da IA, trazendo-a para dispositivos móveis e buscando uma abordagem híbrida que combine processamento local e na nuvem. Essa estratégia visa melhorar o desempenho da IA, torná-la mais sustentável e garantir a privacidade dos dados dos usuários. Como resultado, há um grande potencial para a IA impulsionar ainda mais setores como fintechs no Brasil, destacando-se no desenvolvimento de propriedade intelectual, segurança de dados e verificação de identidade. A IA já está presente em muitos aspectos do nosso dia a dia, trazendo benefícios práticos para

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Print

Leia mais sobre este assunto:

Conteudize